terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Quitanda Cultural de Natal



















A Quitanda Cultural de Natal foi um sucesso sábado passado e se repetirá neste dia 16/12. Vem conferir quantas opções legais de presentes e atividades o projeto oferece!

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

"Influências Afro-Indígenas" na Sala Multiuso da Prefeitura Municipal



A exposição "Influências Afro-Indígenas" aconteceu na Sala Multiuso da Prefeitura Municipal. A mostra é resultado do projeto de mesmo nome desenvolvido pela Professora Margareth Teixeira, com as turmas de 8º e 9º anos da Escola Cipriano Porto Alegre e fez parte da programação do Novembro Negro.

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Exposição Influências Afro-Indígenas inaugura na Sala Multiuso da Prefeitura Municipal




A Exposição Retrospectiva Influências Afro-Indígenas é o resultado do trabalho desenvolvido há dez anos com os alunos das sétimas e oitavas séries e, posteriormente, oitavos e nonos anos da professora Esp. Margareth Teixeira, da E.M.E.F. Cipriano Porto Alegre, através da disciplina de artes. Tudo começou em 2007 de forma tímida, com a lei nº 10.639, o qual foi intitulado de “O negro protagonismo nas artes”. Com o sancionamento da Lei nº 11.645/2008, o projeto passou por transformações, recebendo o atual nome: “Reconhecer e valorizar as culturas Afro-indígenas. Vamos fazer valer a Lei nº 11.645/08. Uma questão de ética, cidadania e justiça social”.
               A exposição irá mostrar a transformação do conhecimento teórico, dos posicionamentos diante das relações etnicorraciais (gênero, economia, politico, social, educacional, filosófico e sociológico e principalmente no que tange ao enfrentamento ao racismo e seus desdobramentos) em expressões artísticas, bem como a forma que os educandos se relacionam com o fazer artístico.
                Durante esses dez anos, o projeto vem contribuindo para desconstruir o pensamento eurocentrado característico de nossa sociedade, e implantar um olhar diferenciado, reconhecendo as duas culturas como essenciais na construção do país.
                 A prática artística na escola possui outro olhar, tornou-se um ambiente para debates acerca de temas atuais como discriminações, preconceitos, gênero, relações entre os seres humanos, mercado de trabalho, momento econômico-politico global e brasileiro, tudo isso foi possível devido o estudo de artistas negros (pretos e pardos) brasileiros.
               Nossa escola possui um ambiente próprio para as experiências criativas dos educandos, nesse ano foi inaugurada a sala de artes João Eli Castro, em homenagem ao artista negro riograndino
               A área de atuação do fazer artístico, do trabalho desenvolvido nessas turmas, está focada na Arte e cultura afro-indígena, pois a conscientização de que todos, independentemente das questões étnicas, de credo, política e gênero entre outros, merecem ser respeitados e valorizados nas suas escolhas, ou seja, nas suas diferenças. A diversidade existe, logo devemos repensar e rever nossos conceitos acerca dela, evitando criar desigualdades e conflitos.

Abertura Oficial do Novembro Negro


Todas e todos convidados para a abertura oficial do Novembro Negro, que acontecerá hoje, dia 14/11, às 19h30min. no Salão Nobre da Prefeitura Municipal.


Quitanda Cultural do Novembro Negro

Dia 11/11 aconteceu a Quitanda Cultural com a temática do Novembro Negro. Várias atividades ocorreram na Praça Xavier Ferreira, tornando nosso projeto mais rico, colorido e engrossando o caldo cultural da nossa Quitanda.
Que mais eventos se somem ao projeto, que mais atores partilhem conosco, porque cultura é somatório e inclusão.
Ninguém pode ficar de fora.








quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Sábado, dia 07, tem Quitanda Cultural.


Sábado, dia 07/10, tem Quitanda Cultural na Praça Xavier Ferreira, das 10h às 17h. Vai ter Capoeira Marauê, do Mestrando Esquilo, e Banda Rossini para levar muita música e alegria para a praça.
Artesanato, gastronomia, brechós e antiguidades podem ser vistas na feira, que já é um tradicional espaço de cultura no Centro Histórico da cidade.